Eu pago em dinheiro

Toma parte na discussão! Aqui você pode ler mais uma vez o nosso Good Morning Editorial.

Estamos mais uma vez sendo amolecidos sistematicamente: dinheiro é mal! Sujo, nojento, nojento. Só é bom para os malvados esbanjadores de dinheiro negro, evasores de impostos e financiadores do terror que contrabandeiam moedas e notas através de canais escuros. E em geral, são as notícias de ontem. Ainda tens de carregar a tua pesada carteira através da vida dia sim, dia não. Mas já pode pagar de bom grado por smartphone e em breve mesmo isso não será necessário. Em seguida, você coloca suas sete coisas no carro e o valor é automaticamente debitado quando você sai do shopping. Óptimo, não é?

O que realmente se trata foi formulado por Bitkom, de todas as pessoas, na sua Conferência Bancária Digital. É sobre "como os bancos estabelecidos podem lucrar com a transformação digital". A associação digital como o sacristão dos bancos? Isso é uma coisa ruim: ninguém ganha dinheiro com transações em dinheiro, nenhum banco, nenhum prestador de serviços financeiros, nenhuma companhia de seguros. Mas eles podem sempre estender a mão para uma transferência electrónica. E quanto mais o princípio se estabelece, mais eles se bifurcam por si mesmos. Esta estratégia de roubo é bem conhecida por nós. Já para não falar na questão controversa da segurança. Mesmo que vá contra o suposto zeitgeist: Eu pago em dinheiro. Basta!

Escreva-me em [email protected] ou use a nossa função de comentário directamente sob este artigo.

Deixe um comentário